pt:Pós-Venda:EA189 Diesel Campaign 2019.0.17.0 PT/PT

Estamos aqui para o ajudar.

Atualizar os SEAT de todos os clientes é a nossa maior prioridade.

Os nossos Clientes são a nossa prioridade número um. É por esse motivo que a Volkswagen AG trabalhou ininterruptamente para alcançar uma solução técnica para os veículos SEAT equipados com o motor diesel EA189 envolvido na incidência NOx. Temos o prazer de o informar que estamos presentemente a implementar a solução para todos os veículos envolvidos.

Gostaríamos de o convidar a agendar uma marcação com um SEAT SERVICE autorizado, para que seja implementada a atualização de software completamente livre de custos.

Também gostaríamos de esclarecer que todos os automóveis novos SEAT equipados com motores EU6 não estão envolvidos nesta incidência. Nenhum dos carros produzidos atualmente pela SEAT está equipado com o motor EA189. Em todo o caso, queremos assegurar-lhe que todos os veículos SEAT estão em conformidade com os mais elevados padrões técnicos e de segurança possíveis.

Vídeo Técnico EA189

Encontre toda a informação relevante no seguinte vídeo.

Verifique facilmente o seu carro

É fácil perceber se o seu carro necessita de atualização. Escreva simplesmente o número do chassis nesta ferramenta que o informará da necessidade de atualização.

Número de Chassis

Número de chassis

O seu número de chassis é uma combinação simples de 17 letras e números, que é única para o seu caro. Ele informa-nos se o seu carro necessita de ser atualizado.

Como encontro o nº de chassis no meu carro?

A forma mais fácil de encontrá-lo é colocando-se na parte exterior do automóvel do lado do condutor. Irá encontra-lo no tablier encostado ao vidro da frente.

Como posso encontrar o nº de chassis de outra forma?

O seu número de chassis também pode ser encontrado no campo “E” do Certificado de Registo (DUA – Documento Único Automóvel). Uma vez que é o identificador do seu veículo é único para o seu carro.

Número de chassis

O seu número de chassis é uma combinação simples de 17 letras e números, que é única para o seu caro. Ele informa-nos se o seu carro necessita de ser atualizado.

Como encontro o nº de chassis no meu carro?

A forma mais fácil de encontrá-lo é colocando-se na parte exterior do automóvel do lado do condutor. Irá encontra-lo no tablier encostado ao vidro da frente.

Como posso encontrar o nº de chassis de outra forma?

O seu número de chassis também pode ser encontrado no campo “E” do Certificado de Registo (DUA – Documento Único Automóvel). Uma vez que é o identificador do seu veículo é único para o seu carro.

FAQS

Com a Medida de Reforço da Confiança, a SEAT está a informar os seus clientes que vai ter em consideração quaisquer reclamações que se justifiquem decorrentes da implementação da medida técnica nos veículos com motores diesel do tipo EA189 e que estejam relacionadas com determinadas partes do motor e do sistema de tratamento de gases do escape.

A Medida de Reforço da Confiança cobre um total de 11 componentes associados ao sistema de recirculação dos gases de escape, ao sistema de injeção de combustível e ao sistema de pós-tratamento das emissões: sonda Lambda, sensor de temperatura, válvula de comutação do EGR, válvula do EGR, sensor de pressão diferencial do EGR, injetor, bomba de alta pressão, tubagem de injeção de combustível, válvula de controlo da pressão, sensor da pressão e tubagem de alta pressão.

A Medida de Reforço da Confiança estará disponível durante um período de 24 meses a partir da data em que o veículo é alvo da medida técnica e apenas para veículos com uma quilometragem inferior a 250.000 km à data de implementação da Medida de Reforço da Confiança (o que ocorrer primeiro). Também é extensível a todos os clientes cujos veículos já tenham sido alvo da medida técnica, desde que cumpridos todos os outros requisitos.

A Medida de Reforço da Confiança não afeta de modo algum a posição da SEAT de que a atualização não afeta negativamente a durabilidade do motor nem de nenhum dos componentes do veículo. As autoridades homologadoras competentes confirmaram que a medida técnica cumpre todos os requisitos legais e que não afeta negativamente o consumo de combustível, as emissões de CO2, a potência do motor, binário e as emissões de ruído do veículo. Com a Medida de Reforço da Confiança, a SEAT pretende enviar um sinal claro de que a atualização não acarreta efeitos negativos para a durabilidade do veículo. Esta medida tem como objetivo fortalecer a confiança dos clientes relativamente à medida técnica e incentivar mais clientes a atualizarem os seus veículos.

Poderá encontrar informações detalhadas acerca dos termos e condições da Medida de Reforço da Confiança em todos os concessionários e oficinas autorizados de cada marca, assim como na internet.

Todos os clientes podem também contactar o serviço de atenção ao cliente por carta, correio eletrónico ou telefone.

A SEAT está comprometida na implementação de medidas técnicas nos veículos equipados com o motor diesel EA189 afetados pela questão das emissões de NOx.

Com a Medida de Reforço da Confiança, a SEAT está a informar os seus clientes que vai ter em consideração quaisquer reclamações decorrentes da implementação da medida técnica nos veículos com motores a diesel do tipo EA189 e que estejam relacionadas com determinadas partes do motor e do sistema de tratamento do escape.

A Medida de Reforço da Confiança é aplicável durante um período de 24 meses a partir da data em que o veículo é alvo da medida técnica e apenas para veículos com uma quilometragem inferior a  250.000 km à data de implementação da Medida de Reforço da Confiança. Assim que o referido termo for ultrapassado ou a indicada quilometragem for atingida (consoante o que ocorrer primeiro), a Medida de Reforço da Confiança cessará.

A SEAT sempre atestou que a implementação da medida técnica não acarreta efeitos adversos nos valores de consumo de combustível, nos valores de emissão de CO2, no rendimento do motor, no binário, nas emissões sonoras ou na durabilidade do motor e dos seus componentes. Todos os valores relevantes para a homologação concedida ao veículo mantêm-se válidos. As entidades reguladoras confirmaram expressamente que os requisitos regulamentares estão cumpridos. Esta confirmação também é aplicável aos requisitos de durabilidade dos sistemas de controlo de emissões. A Medida de Reforço da Confiança não está relacionada com esta questão.

Com a Medida de Reforço da Confiança, a SEAT pretende enviar um sinal claro de que a atualização não acarreta efeitos negativos para a durabilidade do veículo. Esta medida tem como objetivo fortalecer a confiança do cliente relativamente à medida técnica e incentivar mais clientes a atualizarem os seus veículos.

Os clientes poderão, em breve, ter disponíveis informações detalhadas acerca dos termos e âmbito da Medida de Reforço da Confiança para a respetiva marca do veículo através de qualquer concessionário e oficinas autorizadas.

A Medida de Reforço da Confiança aplica-se a todos os modelos Volkswagen, Audi, SEAT, Skoda e Volkswagen Commercial Vehicles com motores diesel tipo EA189 que foram alvo da medida técnica.

A Medida de Reforço da Confiança estará disponível para todos os clientes SEAT cujos veículos estejam equipados com um motor diesel tipo EA189 afetado e que estão a ser atualizados como parte da medida de serviço 23S1 no contexto do caso dos motores diesel. É apenas aplicável a veículos com uma quilometragem inferior a  250.000 km à data de implementação da Medida de Reforço da Confiança. Para serem elegíveis, os clientes devem apresentar provas de que foram realizadas todas as revisões e serviços de manutenção recomendados pelo fabricante (i.e. aplicável a veículos com histórico de revisão completo).

A Medida de Reforço da Confiança também se estende aos clientes cujas viaturas elegíveis já tenham sido alvo da medida técnica, desde a data da sua receção (desde que todos os outros requisitos para a Medida de Reforço da Confiança estejam cumpridos). A Medida de Reforço da Confiança está relacionada com o número de identificação do veículo e é extensível a um novo proprietário, caso o veículo seja alienado, desde que o veículo cumpra os requisitos aplicáveis.

A Medida de Reforço da Confiança é aplicável nos países onde a SEAT está presente, com exceção dos Estados Unidos da América, Canadá e Coreia do Sul, que estão sujeitos a diferentes regulamentações.

A Medida de Reforço da Confiança cobre um total de 11 componentes associados ao sistema de recirculação dos gases de escape, ao sistema de injeção de combustível e ao sistema de pós-tratamento das emissões: sonda Lambda, sensor de temperatura, válvula de comutação do EGR, válvula do EGR, sensor de pressão diferencial do EGR, injetor, bomba de alta pressão, tubagem de injeção de combustível, válvula de controlo da pressão, sensor da pressão e tubagem de alta pressão.

A Medida de Reforço da Confiança não altera a posição da SEAT de que as medidas técnicas não têm quaisquer efeitos negativos na durabilidade do motor e dos seus componentes. A autoridade homologadora respetiva confirmou que as medidas técnicas cumprem todos os requisitos legais e não acarretam efeitos adversos nos valores de consumo de combustível, nos valores de emissão de CO2, no rendimento do motor, no binário ou nas emissões sonoras.

Para além das condições descritas acima:

1) A Medida de Reforço da Confiança:

  • pode apenas ser executada, avaliada e utilizada por um SEAT Service ou Service Partner autorizado,
  • aplica-se unicamente a reclamações sobre os materiais utilizados e o trabalho executado nos seguintes componentes do EGR, do sistema de injeção do combustível e do sistema de pós-tratamento das emissões: sonda Lambda, sensor de temperatura, válvula de comutação do EGR, válvula do EGR, sensor de diferencial de pressão da recirculação dos gases de escape, injetor, bomba de alta pressão, tubagem de injeção de combustível, válvula de controlo da pressão, sensor da pressão e tubagem de alta pressão,
  • não abrange veículos de substituição, despesas correntes, danos, etc.

 (2) desde que:

  • o veículo EA 189 afetado tenha participado na Medida de Serviço 23S1
  • o veículo tenha sido alvo das revisões programadas de acordo com a calendarização, atualizações e ações de chamada e serviço preconizadas pela SEAT

(3) e desde que nenhum dos seguintes casos se aplique:

  • casos de desgaste natural, ou seja, danos no veículo decorrentes de utilização e deterioração,
  • o proprietário ou um concessionário ou fornecedor de assistência não autorizado não tenha devidamente reparado, revisto ou manuseado o veículo (por ex.: utilizando peças não autorizadas, etc.),
  • não cumprimento das instruções de operação, tratamento e manuseamento do veículo, como descrito no manual de instruções,
  • o veículo tenha sido danificado por terceiros ou condições externas, como acidentes, tempestades, inundações, etc., que tenham causado o problema em questão,
  • qualquer reclamação relativa ao filtro de partículas que se deva a acumulação de cinzas,
  • peças que tenham sido colocadas no veículo ou este ter sido modificado de forma não autorizada, como através chip tuning,
  • o veículo tenha sido conduzido indevidamente, como por exemplo em competições de automobilismo ou no caso de excesso de carga,
  • o proprietário do veículo não tenha comunicado a reclamação num espaço de tempo razoável,
  • o proprietário do veículo não tenha dado à SEAT a oportunidade de resolver o problema num espaço de tempo razoável.

Sim. A Medida de Reforço da Confiança estende-se a todos os clientes a cujos veículos foi aplicada a medida técnica, a partir da data em que foram intervencionados (sempre que forem cumpridos todos os restantes requisitos da Medida de Reforço da Confiança).

Se qualquer cliente já tiver incorrido em despesas pelo trabalho pertinente realizado após a aplicação da medida técnica ao seu veículo, e considerar que essas despesas foram resultado da aplicação da medida técnica, a SEAT terá todo o prazer em investigar se as referidas despesas são efetivamente cobertas pela SEAT. Qualquer pedido de cobertura de despesas terá de ser apresentado a um Serviço Oficial autorizado da SEAT do mesmo país em que o trabalho tenha sido realizado, antes do dia 31 de dezembro de 2017.

A SEAT equipou um total de 700.000 viaturas com o motor diesel afetado (EA189), dos aproximadamente 11 milhões anunciados pelo Grupo Volkswagen. Estas 700.000 viaturas foram distribuídas pela rede mundial da SEAT.

Neste website pode agora verificar se o seu SEAT está ou não afetado, introduzindo o número de chassis (VIN). Também poderá contactar a nossa linha de apoio ao cliente: seat-responde@seatportugal.pt

O número de identificação de viatura é uma combinação única de 17 números e letras; está localizado no Certificado de Registo (DUA – Documento Único Automóvel) e também no seu carro.

Os veículos envolvidos são os equipados com os motores diesel EU5 da família EA189, onde estão incluídos motores diesel 1.2, 1.6 e 2.0 com 3 e 4 cilindros.

A SEAT informará todos os detalhes relativos aos carros envolvidos. Poderá continuar a conduzir o seu carro em segurança no seu dia-a-dia.

Confirmamos que todos os automóveis afetados são absolutamente seguros e estão em condições de circulação. A investigação diz respeito exclusivamente às emissões poluentes do motor.

A Volkswagen AG está atualmente a investigar se existem ou não desvios relativamente aos regulamentos de emissões na Europa. Daremos mais informações assim que possível.

No caso de haver um procedimento de serviço, os clientes serão notificados para se deslocarem a um SEAT Service autorizado, para que sejam efetuadas as medidas técnicas apropriadas. A Volkswagen AG garante que os clientes não terão qualquer custo. Além disso, está disponível um motor de busca para que possa verificar se o seu carro está ou não afectado.

A Volkswagen AG assumirá toda a responsabilidade e cobrirá os custos das medidas necessárias, caso se apliquem.

Todos os modelos novos SEAT na UE equipados com os motores homologados EU6 cumprem sem exceção todos os requisitos legais.

Ainda que não possamos confirmar se os veículos SEAT equipados com o motor diesel EA189 não cumprem com toda a legislação vigente, como medida de precaução e de acordo com a legislação (espanhola) vigente, decidimos suspender temporariamente as vendas e as entregas de todos os modelos novos SEAT equipados com este motor.

Não. Todos os carros são seguros e estão em condições de circulação.

Não, todos os modelos SEAT novos na UE equipados com os motores homologados EU6 cumprem sem exceção todos os requisitos legais.

Para sua total tranquilidade, decidimos temporariamente suspender as vendas e entregas de todos os novos veículos SEAT equipados com esse tipo de motor como medida de precaução. Além disso, os carros de produção mais recente já não estão equipados com este motor.

Os modelos envolvidos são: SEAT Ibiza, Leon II, Altea, Altea XL, Altea Freetrack, Toledo III, Toledo, Exeo, Exeo ST e Alhambra.

Por favor contacte a sua oficina autorizada SEAT.

Por favor contacte a sua oficina autorizada SEAT.

O pessoal autorizado do concessionário ou oficina autorizados determinará, em estreita colaboração com o departamento de serviço ao cliente da marca correspondente do Grupo Volkswagen, se se cumprem as condições exigidas em função da informação transmitida pelos clientes.

Sim.

Os clientes afetados podem estar certos de que as medidas técnicas serão implementadas com sucesso e que não terão efeitos adversos nos valores de consumo de combustível, emissões de CO2, potência do motor, binário máximo ou emissões sonoras. Esta foi uma pré-condição fundamental para a aprovação da medida técnica pelas autoridades. No entanto, se sentir um problema no seu veículo, por favor contacte o seu SEAT Service mais próximo ou a nossa linha dedicada através do número azul 808 202 150 (Número “Azul” - custo de chamada local. Segunda a Sexta - 9h às 20h).

Sim, vai receber uma confirmação por parte do SEAT Service após a implementação da medida técnica. Se perder esta confirmação ou não a tiver recebido, por favor contacte o seu SEAT Service.

Na unidade de controlo do motor dos veículos com motores afetados, foi utilizada uma função no software que reconhecia o ciclo de condução do teste oficial de homologação. Em função do reconhecimento do ciclo de condução, a unidade de controlo do motor altera-se para 2 modos diferentes: o modo 1 com um nível de NOx otimizado para condições de teste ou o modo 2 para otimizar os níveis de emissões de partículas para a condução em estrada.

Terá de matricular o seu carro nesse país. Normalmente, as autoridades irão informá-lo de que necessita de implementar a atualização do software do veículo dentro de um determinado período de tempo. Por favor contacte o SEAT Service do seu novo país de residência.

Informação básica da SEAT Portugal relativamente aos seus dados

Responsável
SEAT Portugal, Unipessoal, Lda. (“SEAT Portugal”)  +info

Finalidades
Verificar se o seu veículo é um dos com um motor Diesel afetado e entrar em contacto consigo para, nesse caso, efetuar a gestão das suas questões.

Destinatários
Comunicaremos os seus dados a terceiros no cumprimento das obrigações legais que em cada caso sejam aplicáveis. +info

Para gestão do seu pedido e quando seja necessário, a SEAT Portugal, Unipessoal, Lda. irá comunicar os seus dados pessoais ao seu Serviço Autorizado.

A SEAT contrata prestadores de serviços externos, que atuam como subcontratantes, para lhe prestar serviços em diferentes áreas. Quando presta estes serviços, o prestador de serviço externo poderá ter acesso a determinados dados pessoais, estando contratualmente acauteladas pela SEAT, a implementação das medidas técnicas e organizacionais adequadas por parte daqueles para garantir a privacidade e a segurança dos seus dados pessoais.

Legitimidade
Consentimento. +info

Direitos
Poderá retirar os seus consentimentos a qualquer momento, opor-se ao tratamento, sendo que também poderá limitar o seu tratamento, aceder, retificar, apagar os seus dados pessoais e exercer o seu direito de portabilidade, mediante apresentação de um pedido escrito à SEAT Portugal, Unipessoal, Lda. com sede no Edifício Expo 98, Av. D. João II Lote 1.07.2.1 - R/C Ala A, ou, enviando um email para seat-responde@seatportugal.pt +info

Informação adicional
Poderá consultar com maior detalhe a Informação Adicional sobre Proteção de Dados, aqui

Poderá fazer download da Política de Privacidade em formato PDF, aqui.

* Este website foi criado pela SEAT, S.A. (“SEAT”) para fornecer informação sobre os veículos equipados com um motor diesel da Volkswagen afectado. Ao preencher o formulário disponível no website [e clicando na checkbox], o Cliente garante e declara incondicionalmente que:

- É o/a legítimo/a proprietário/a do veículo cujo número de chassis foi introduzido no formulário, ou que é o/a representante legal do referido proprietário e que foi expressamente autorizado a obter esta informação; e

- Não divulgará, excepto para o exercício de qualquer direito que legalmente lhe assista, qualquer informação a que possa ter acesso. Entre outras, não publicará em nenhum suporte offline nem online o número de chassis, nem nenhuma outra informação disponível no website criado pela SEAT.

Notamos que este sistema apenas verifica números de chassis (VIN) da marca SEAT e o resultado depende diretamente da introdução correta dos dados.

 

A informação obtida, com exceção de eventuais erros e omissões involuntários, corresponde ao número de chassis (VIN) introduzido.

O incumprimento ou a falsidade das declarações acima prestadas terá consequências legais, assistindo à SEAT o direito a iniciar quaisquer ações permitidas por lei na defesa dos seus interesses legítimos.

Os dados pessoais fornecidos através do formulário serão incluídos numa base de dados propriedade da SEAT Portugal, Unipessoal, Lda, com sede no Edifício Expo 98, Av. D. João II, Lote 1.07.2.1, R/C Ala A, em Lisboa, e apenas será processada para gerir a sua consulta. Ao preencher o formulário o Utilizador expressamente consente na recolha e utilização dos seus dados pessoais para a finalidade indicada, sendo que a recusa inviabilizará a presente consulta. O Utilizador poderá a todo o tempo, nos termos e condições estabelecidos pela legislação aplicável, exercer o seu direito de acesso, retificação, cancelamento, oposição ou proibição do tratamento dos seus dados pessoais através de comunicação escrita dirigida para SEAT Portugal, Unipessoal, Lda., Direção de Marketing, Edifício Expo 98, Av. D. João II, Lote 1.07.2.1 – 5º piso Ala A, 1998-014 Lisboa ou enviando e-mail para o seguinte endereço eletrónico: seat-responde@seatportugal.pt.

Ver mais
Test Drive

Test Drive

Configurador

Configurador

Rede SEAT

Rede SEAT

Ofertas

Ofertas

Receber Newsletter

Receber Newsletter