Os resultados de vendas da SEAT voltaram a subir fortemente em novembro. O construtor automóvel ultrapassou de novo a barreira das 40 mil unidades, vendendo 40.400 unidades no último mês, mais 18,7% do que em igual período de 2016 (34.000). Mais uma vez, o crescimento de vendas em mercados como a Alemanha (+25,6%) e Espanha (+19,8%) teve um papel fundamental, juntamente com os resultados em outros mercado como a Turquia (+58,0%), Bélgica (+30,0%), Países Baixos (+29,5%) e a Polónia (+29,1%).

Faltando ainda um mês para o fim do ano a SEAT já ultrapassou o volume alcançado em 2016.

As vendas da SEAT crescem assim 14,7% a nível mundial no acumulado do ano, faltando ainda um mês para concluir os resultados de 2017. Entre janeiro e novembro, a SEAT vendeu 435.500 veículos, mais 56.000 do que em igual período de 2016 (379.500). Com este resultado, a marca supera já todas as vendas de 2016, ano que fechou com um total de quase 409 mil unidades entregues.

O Vice-presidente Comercial da SEAT, Wayne Griffiths, sublinhou que “em novembro mantivemos o ritmo de crescimento de outubro. Estamos a fechar um trimestre muito positivo que originará um resultado recorde num ano em que nos relevaremos como um dos construtores com maior crescimento na Europa. Ultrapassar o total de vendas de 2016, quando ainda falta um mês para concluir 2017, é um resultado excelente que alcançámos com a ampliação e renovação da gama e o trabalho de toda a equipa e da rede de concessionários”.

Recorde de vendas até novembro na Alemanha, Reino Unido, Turquia, Áustria, Suíça, Israel e na República Checa.

Este crescimento nas vendas inclui resultados históricos de janeiro a novembro em sete dos 12 mercados principais da SEAT. Regista-se um crescimento de 14,8% na Alemanha, com um total de 94.900 veículos vendidos; de 18,3% no Reino Unido (52.300); de 13,4% na Turquia (19.400); de 16,5% na Áustria (16.600); de 33,7% na Suíça (9.400); de 5,8% em Israel (8.300); e de 5,2% na República Checa (7.800). Por último, Espanha continua a ser o segundo maior mercado do construtor, logo a seguir à Alemanha, com 88.400 veículos vendidos, mais 21,3% face 2016.

SEAT Ibiza é finalista do prémio Carro do Ano Europeu 2018

Pela primeira vez na sua história, a SEAT conta com um dos seus modelos, o Novo SEAT Ibiza, conjuntamente com outros seis, na lista de finalistas do prestigiado prémio Carro do Ano Europeu para 2018. O vencedor será anunciado no próximo dia 8 de março no decorrer do 88º Salão Internacional do Automóvel de Genebra. Este reconhecimento chega num ano muito especial para a SEAT, que mantém o ritmo da sua maior ofensiva de produto de sempre, iniciada com o Ateca em 2016 e mantida este ano com o Leon, o Ibiza e o novo crossover Arona. Em 2018, a SEAT completará esta ofensiva com um terceiro SUV de até 7 lugares.