Nürburgring, Alemanha, 18/09/2016. – Pela terceira vez na história do SEAT Leon Eurocup, o Circuito de Nürburgring foi o anfitrião deste Campeonato antes de este chegar até Barcelona para a grande final. O mítico circuito alemão teve os pilotos Mikel Azcona (PCR Sport) e Alessandro Sebasti Scalera (Baporo Motorspot) como protagonistas e a celebrarem a vitória nas duas corridas desta penúltima prova do calendário.


A corrida de sábado em Nürburgring girou à volta de Mikel Azcona (PCR Sport), que conseguiu, uma vez mais, manter um ritmo consistente durante todo o fim-de-semana e ter uma excelente performance. Azcona estava invencível e chegou à bandeira axadrezada 6.1 segundos à frente de Alex Morgan (Wolf-Power Racing) e de Niels Langeveld (Baporo Motorsport) que chegaram em segundo e terceiro lugares respetivamente. O piloto da PCR Sport esteve focado em destacar-se de forma eficaz para ter o seu terceiro triunfo da época. Contando a sua pole position de sexta (com uma volta de 2’07.096) e a sua vitória de sábado em Nürburgring, o representante da PCR Sport subiu até ao topo da competição com 185 pontos e apenas com 5 pontos à frente do holandês Niels Langeveld (Baporo Motorsport). A francesa Marie Baus-Coppens (JSB Competition) foi a mais rápida do ‘Ladies Trophy’.


No domingo, o intenso nevoeiro provocou um atraso de 40 minutos em Nürburgring, mas o SEAT Leon Eurocup, uma vez mais, ofereceu uma dose grande de emoção. Com a ordem invertida, os pilotos que disputam o título de 2016 tiveram um grande desafio à frente, e apesar do sprint ser difícil, o grande talento dos pilotos foi uma vez mais posto à prova. Alessandro Sebasti Scalera (Baporo Motorsport) dominou a corrida sem margem para dúvidas. Desde a primeira volta ele esteve à frente de Stian Paulsen (Stian Paulsen Racing) e Julien Briché (JSB Competition), subindo ao pódio depois de uma disputa com o português Lourenço Beirão (PCR Sport).

Após duas tensas corridas na Alemanha, Niels Langeveld (Baporo Motorsport) lidera a tabela com 202, com Stian Paulsen (Stian Paulsen Racing) logo a seguir com 191 e Mikel Azcona (PCR Sport) muito perto em terceiro com 185. Marie Baus-Coppens (JSB Competition) está agora no topo da tabela do ‘Ladies Trophy’ com 72 pontos.

Alessandro Sebasti Scalera, Baporo Motorsport, 1º na segunda corrida do SEAT Leon Eurocup 2016: “Qualquer piloto poderia ganhar com este carro! Gostaria de agradecer à SEAT SPORT e à minha equipa, porque foi um grande prazer alcançar a vitória como conseguimos hoje. Claro que todos os pilotos gostam de ganhar, mas dá mais prazer ganhar com disputas renhidas e ultrapassagens. De qualquer forma, gostei realmente do Circuito de Nürburgring, que eu já não via há seis anos. Penso que a partir de hoje passa a ser um local da sorte para mim”.

Stian Paulsen, (Stian Paulsen Racing), 2º na segunda corrida do SEAT Leon Eurocup 2016: “Foi uma corrida complicada. Apesar de ter ficado em segundo lugar, não estou realmente satisfeito, porque não fomos tão rápidos como gostaríamos. Temos de ver as razões e garantir que estamos mais fortes para as próximas corridas, em Barcelona, que deverão ser muito emocionantes.”

Julien Briché, (JSB Competition), 3º na segunda corrida do SEAT Leon Eurocup 2016: “Foi uma corrida muito complicada, mas gostei muito. Vivemos algumas disputas renhidas mesmo no fim e felizmente conseguimos alcançar, uma vez mais, o pódio e isso é importante para nós. Só temos mais uma corrida e espero que consigamos aproveitar como nas corridas que efetuamos até agora.”

Marie Baus-Coppens, JSB Competition, 1º na segunda corrida e líder do ‘Ladies Trophy’: “Tive uma boa corrida, muito melhor do que ontem, e por isso estou muito satisfeita. Não foi fácil porque todas as ultrapassagens e mudanças de posição com todos os carros à minha volta, mas no fim conseguimos ficar no top 10. Espero que em Barcelona consigamos continuar no mesmo caminho que nos levou ao topo.”

Jaime Puig, Diretor da SEAT Sport: “Dia após dia, o SEAT Leon Eurocup continua a dar corridas cada vez mais emocionantes. Ninguém poderia imaginar que iriamos chegar à ronda final da época de 2016, com três pilotos em disputa pelo título, com o mínimo de pontos entre eles. O que mais poderíamos pedir? Esperamos ter mais duas corridas intensas e cheias de adrenalina, e manter o excelente espetáculo que é o SEAT Leon Eurocup”.