Barcelona, 20/12/2016. – A Câmara de Barcelona e a SEAT fizeram um acordo no sentido de promoverem a inovação, a mobilidade sustentável, a implementação de projetos de negócio e de competitividade industrial, além de outras áreas de atividade. Num ato realizado na Câmara Municipal, a Presidente Ada Colau e o Presidente da SEAT, Luca de Meo, concretizaram o acordo de partes que estabeleceu as áreas de colaboração entre os dois lados.

O objetivo é partilhar a experiência da SEAT em mobilidade, I&D e nos projetos negociais com a cidade de forma a promover novas iniciativas. Esta será a base de estímulo económico e negocial para novos projetos que, além de tudo, melhorarão a qualidade de vida dos cidadãos e atrairão talento internacional. A colaboração pretende implementar a partilha de experiências que levem à criação de sinergias entre a SEAT e as startups, a dinâmica académica e as pequenas e médias empresas da cidade.

O primeiro fruto deste acordo, já confirmado oficialmente, é o Metropolis Lab Barcelona, o sexto laboratório do Grupo Volkswagen, que terá a gestão da SEAT com sede em Barcelona. Neste laboratório mais de 50 engenheiros e trabalhadores altamente especializados analisarão e procurarão soluções inteligentes que respondam aos desafios da mobilidade futura. Uma combinação de tecnologia móvel e de big data criará soluções que tornará mais fácil a ligação entre as pessoas, a cidade inteligente e os serviços de mobilidade sustentável das cidades do futuro.

A implementação do Metropolis Lab Barcelona está agendada para 2017. No seu primeiro ano, o centro funcionará com mais de 20 especialistas sendo a equipa ampliada para cerca de 50 elementos nos próximos anos. Trabalharão em capacidades e em competências relacionadas com a mobilidade inteligente, combinando a informação do veículo com a do ambiente próximo, desenvolvendo novas apps que serão utilizadas por todas as marcas do Grupo Volkswagen. O Grupo Volkswagen gere atualmente cinco laboratórios IT em todo o mundo: dois em Wolfsburg e também em Berlin, Munique e São Francisco.

Barcelona na linha da frente da inovação

Em complemento, o acordo entre o município e a SEAT também pretende impulsionar a inovação através do uso das áreas de teste, da digitalização, da resolução de problemas, e troca entre os departamentos de I&D da empresa, da câmara, dos centros de excelência de negócios em Barcelona e dos meios académicos.

A Presidente de câmara de Barcelona, Ada Colau, sublinhou o facto de a inovação na indústria automóvel começar necessariamente no trabalho conjunto sobre o uso racional do automóvel, especialmente nas grandes cidades, promovendo a mobilidade sustentável, com veículos de zero emissões e com melhor segurança para redução da taxa de acidentes. Colau saudou positivamente a chegada a Barcelona do laboratório Metropolis:Lab Barcelona e sublinhou o lugar de destaque da cidade como referência internacional no uso do automóvel elétrico. Barcelona lidera atualmente o registo de automóveis elétricos em Espanha. De todos os novos registos, 15% pertencem a Barcelona, que tem uma taxa seis vezes superior à da média nacional. Desenvolver estes veículos representa uma oportunidade de transformação do sistema de transporte de forma a reduzir as emissões tóxicas, o ruído e o consumo de energia. Na realidade, Barcelona acaba de renovar o seu acordo com a Plataforma LIVE por mais dois anos, garantindo a continuidade de colaboração entre a administração local e o setor público.

O Presidente da SEAT, Luca de Meo, destacou o compromisso com Barcelona dizendo “queremos reafirmar a nossa determinação na ligação a Barcelona, a cidade que se anuncia ao mundo como uma hub de inovação e o berço ideal para novos conceitos e ecossistemas de mobilidade”. “Estas são excelentes notícias. Conseguimos trazer um laboratório deste nível para Barcelona, que se especializará na gestão de sistemas de monitorização de veículos. Barcelona é internacionalmente reconhecida como uma cidade inovadora, uma cidade inteligente e território ideal para investimento, e o novo laboratório é o nosso contributo para o crescimento da cidade e para crescermos com ela”, concluiu Meo.

Com este acordo, a empresa, que apostou no conceito Created in Barcelona para projetar a marca, os seus produtos e serviços a uma escala mundial, reforça o compromisso a longo prazo com a cidade, o que tem resultado em inúmeras iniciativas nos últimos anos.

Entre as mais recentes está a implementação do único centro de pesquisa para o estudo da mobilidade urbana de Barcelona, o projeto CARNET de colaboração com a UPC e o Grupo Volkswagen. Outras iniciativas incluem a criação do SEAT Accelerator by Conector, um acelerador de startups especializadas na indústria automóvel e na mobilidade, a participação da empresa como membro do Conselho de Mobilidade para a Área Metropolitana de Barcelona, ou a plataforma LIVE, do qual a SEAT é sócia fundadora, que a câmara promove para implementação de veículos elétricos e alimentados por gás natural comprimido (GNC). Neste sentido, a SEAT continua a promover a mobilidade sustentável na cidade com modelos movidos a GNC (já tem três modelos que usam esta tecnologia: Leon de 5 portas, Leon ST e Mii), e em 2019 lançará o seu primeiro veículo elétrico.